Salvador, 18 de Janeiro de 2018

Belarmino Bulcão da Rocha (Família)

Belarmino Bulcão da Rocha – Sr Belo

(15.07.1895 – 19.08.1982)

        Belarmino, que era filho do juiz Otavio Pinto da Rocha, natural de Pernambuco e, de Laurinda Bulcão da Rocha, foi o principal organizador das festas da sua época, incluindo  eventos religiosos e folclóricos, cavalhada mourama, piquiniques e os primeiros carnavais de Morro do Chapéu.

        Figura muito alegre, também era um excelente ator dramático e diretor teatral, tendo ocupado o cargo de Escrivão do Civil.

      Foi o principal incentivador da construção do Teatro Odilon Costa, atual sede da Sociedade Philarmônica Minerva.

         Em 25.05.1916 casou com Nicolina Barreto Grassi (31.08.1897-26.10.1976). Os filhos do casal são:

Arnaud B. Rocha casado com Maridete Valois Pereira; Ademar casado com Jovina; Agnaldo casado com Dália Dourado Souza; José casado com Nildete Oliveira Rocha; Aída casada com José Vasconcelos; Amorita casada com Orival Soares; Lizete casada com Joaquim; Iacy casada com José Souza;  Ney casado com Bernadete e Plínio.

              Sua irmã Alzira foi esposa de Edgar Bandeira, prefeito do município no período de 1930 - 1933.

                                                                          Belarmino Rocha

BELLARMINO BULCÃO DA ROCHA

Octaviano Oliveira  (15.01.02018)

Segundo publicação de Antônio Dourado, no site www.adourado.com.br, o cidadão Bellarmino Bulcão da Rocha nasceu no Estado de Pernambuco em 15 de julho de 1895, filho de Otávio Pinto da Rocha e Laurinda Bulcão da Rocha. Paulo Édson Teles de Oliveira, ao comentar sobre a publicação acima referida, diz que Otávio Pinto, que era irmão do seu bisavô, nasceu em Camamu/BA e foi estudar direito em Pernambuco. Naquele Estado, casou-se com a sua primeira esposa Laurinda, que era da cidade Santo Antão, de onde veio exercer a função de juiz municipal em Morro do Chapéu.

O alegre e festivo Seu Belo, como era popularmente conhecido, teve uma participação muito ativa no segmento cultural de Morro do Chapéu e fez sempre parte do teatro da cidade, atuando como ator dramático e diretor teatral. Como era uma pessoa que gostava de festas liderou a organização de comemorações religiosas e de eventos folclóricos como a memorável cavalhada mourama, além de ao longo da sua vida, ter participado e promovido muitos eventos festivos como os primeiros carnavais de rua da cidade, ternos de reis, piqueniques e passeios recreativos.

Participou ativamente da Sociedade Filarmônica Minerva e ao lado de Jubilino Cunegundes e de Lauro Mattos, teve importante participação na campanha que arrecadou recursos e ajudou a construir o Teatro Odilon Costa, inaugurado em 1944 e foi eleito Presidente da instituição em 1955. Também, junto com Wilson Mendes, coordenou os trabalhos de construção do antigo campo de futebol que foi cercado de muros feitos de enchimento (madeira e barro). Participou ainda, da fundação e da administração do Jazz Colúmbia, um pequeno clube fundado para realização de festas, o qual manteve uma pequena banda musical que supriu o curto período no qual a Minerva esteve com as suas atividades interrompidas. Em reconhecimento à sua participação no teatro morrense, a gestão municipal de Wilson Mendes deu o seu nome ao auditório construído no Centro Cultural Judith Arlego.

Profissionalmente exerceu o cargo de Escrivão Civil na sede da Comarca de Morro do Chapéu e mesmo depois de aposentado continuou vestindo-se elegantemente sempre usando paletó e gravata, perfil que o tornou uma figura emblemática na vida social e cultural de Morro do Chapéu.

Casou-se no dia 25 de maio de 1916 com Nicolina Barreto, constituindo uma família de dez filhos, todas eles pessoas influentes no convívio político, social e cultural da cidade. Faleceu em 19 de agosto de 1982, deixando uma grande lacuna nos segmentos cultural e social da cidade de Morro do Chapéu. Vale ressaltar, por oportuno, que o sobrenome Rocha do Seu Belo não faz parte da tradicional, importante e numerosa família Rocha de Morro do Chapéu, contudo, os seus muitos descendentes formam a numerosa e bem conhecida família dos Belos da nossa cidade.

 

Fontes:

Site www.adourado.com.br

Livro “92 anos de História – Sociedade Filarmônica Minerva. Ed Secretaria de Cultura e Turismo. Salvador: Editora Gráfica da Bahia, 1998

 

  • Belarmino Bulcão da Rocha – Sr. Belo – (1895 – 1982)
  • Consuêlo, Nicolina e Belarmino
  •  Carlito Garcia, Belarmino Rocha, Gerson DÁvila e Odilon Gomes (da esquerda para a direita).
  • Família Belarmino Rocha
  • Filhos de Belarmino
  • Belarmino Bulcão - Salvador 11.08.1960
  • Belarmino Bulcão 18 anos
  • Belarmino Bulcão
  • Belarmino e familia
  • Belarmino e Génesio
  • Belarmino e Netos
  • Belarmino, Nicolina
  • Belarmino Bulcão da Rocha.
  • Belo, Nicolina e filhos
  • Belarmino Bulcão
  • Bodas de Diamante  1916 a 1976.
  • Bodas de Diamante Belarmino e Nicolina
  • Missa de Bodas de Diamante Belo e Nicolina
  • Bodas de Diamante Belarmino Bulcão
  • Consuêlo. Margareth, Damasco
  • Consuêlo
  • Damasco 1954.
  • Danilo Rocha filho de Tunga e Iacy
  • Erenilton neto de belo.j
  • Familia de Iacy e Tunga
  • Familia de Lunga e Nildete
  • Feijoada
  • Filha de Iacy e Tunga em 1961.
  • Filhas de Iacy e Tunga, Daniela e Iraney
  • Franco Rocha
  • Iacy filha de Belarmino Bulcão
  • Iacy filha de Belarmino
  • Iacy, Bernadete nas Bolda de Ouro Sr. Belo
  • Iacy, Decinha, Damasco e Janicy.
  • Inácio
  • Irmãs de Belarmino
  • Irmãs de Belo e amigos
  • Lizete, Regina, Belo / carnaval
  • Nair, Carmem, Sueli, Belo, Nicolina e Alzira
  • Nem,  irmão de Tunga no Egito
  • Nem, Tunga e amigo em Goias
  • Ney e Bernadeth -  carnaval
  • Ney e Bernadeth 1968.
  • Nicolina
  • Nildete e Lunga filho de Belarmino
  • Pai e mãe de Nildete esposa de Lunga
  • Parentes de Belarmino de Ilhéus
  • Tia de Belarmino.
  • Tunga esposo de Iacy, Jorma (filha), Carol (neta) Ouro Preto MG.

Comentários enviados

Daniela Rocha de Souza
Daniela Rocha de Souza em 17/09/2013 às 17:22:11 disse:

Dourado como agradecer fiquei muito feliz em saber que existe uma pessoa preocupada com a história, personalidades, cultura, arqueologia,geologia entre outros de Morro do Chapéu. E ao mesmo tempo emocionada de ver a história da minha família na sua página. Parabéns pela brilhante página e se eu tiver mais informações te passarei. Agradeço por estar constando o meu nome nos agradecimentos.

Danilo Rocha
Danilo Rocha em 18/09/2013 às 12:56:11 disse:

Muito bom fazer parte desta família. Muito bom relembrar alguns momentos olhando estas fotos. Assim matamos as saudades daqueles que partiram e deixaram marcas de alegria. Interessante também é ver momentos não compartilhados, olhar os semblantes e perceber que cada segundo, cada minuto é de grande importância em nossas vidas. Agradeço pela família ao idealizador deste site e que vocês continuem compartilhando informações.

Paulo Sérgio Vasconcelos de Oliveira
Paulo Sérgio Vasconcelos de Oliveira em 29/09/2015 às 15:17:59 disse:

Prezado amigo Dourado... Vc é o morrense que Morro do Chapéu apenas te agradece por tudo que fizeste pela nossa terra!!!

rosane de jesus soaris rocha
rosane de jesus soaris rocha em 30/01/2016 às 10:52:24 disse:

queria saber mais sobre sr belo

Aline Farias Marchi
Aline Farias Marchi em 19/02/2016 às 17:39:23 disse:

Boa tarde, sou bisneta do irmao do sr. Belo, Octavio Pinto da Rocha, que foi deixado com os avos maternos,avó Carlota dos Santos Bulção, em Vitoria de Santo Antão,PE.Com o falecimento da sua mãe nunca mais ficou sabendo dos seus irmãos, acabou fugindo de casa quando tinha uns 16 anos para Recife, sendo militar e professor no RS.

Aline Farias Marchi
Aline Farias Marchi em 19/02/2016 às 17:40:12 disse:

Boa tarde, sou bisneta do irmao do sr. Belo, Octavio Pinto da Rocha, que foi deixado com os avos maternos,avó Carlota dos Santos Bulção, em Vitoria de Santo Antão,PE.Com o falecimento da sua mãe nunca mais ficou sabendo dos seus irmãos, acabou fugindo de casa quando tinha uns 16 anos para Recife, sendo militar e professor no RS.

Aline Marchi
Aline Marchi em 19/02/2016 às 18:16:41 disse:

nome do bisavo Mario Pinto da Rocha filho de Otavio Pinto da Rocha e Laurinda Amavel Bulção da Rocha.

Manuella Bandeira Caria de Brito
Manuella Bandeira Caria de Brito em 23/05/2016 às 06:51:09 disse:

Oi!!! Fiquei muito feliz em ver essa pagina! Alzira e Edigar Bandeira são meus bizavós! Em algumas fotos vejo minha tia Nair que ainda reside em Morro do Chapéu, Minha avó Lygia Bandeira e seus irmãos. Nilton, Jacir,.. Fico muito feliz em saber que existe alguem tao preocupado com a historia do local que originou a minha familia!! Obrigada mesmo. Esses registros alem de especiais sao raros nos tempos de hoje!

Murilo zanata do nascimento rocha
Murilo zanata do nascimento rocha em 23/08/2016 às 15:45:54 disse:

Boa tarde a família de meu pai é de morro do chapéu .o nome de meu avô é Wilson barreto rocha.ex capitão da marinha.gostaria de saber mais sobre minha família.qual a origem da família ? Decendencia ? Tem como nandar pro meu email algo relacionado a isso ? Desdesde já o agradeço.

Denise Rocha Gonçalves
Denise Rocha Gonçalves em 16/01/2017 às 15:44:27 disse:

Fiquei feliz em encontrar esse site. Busco informações sobre a árvore genealógica de meu bisavô, SEBASTIÃO BULCÃO DA ROCHA. Não sei o nome do pai dele, nem nada. Se alguém tiver detalhes, por favor, preciso muito; podem me enviar um email para denisecuiaba@yahoo.com.br! Muito obrigada! Deus abençoe vocês.

PAULO EDSON TELES DE OLIVEIRA
PAULO EDSON TELES DE OLIVEIRA em 01/07/2017 às 22:48:28 disse:

O meu bisavô, Antônio Bulcão da Rocha, era filho de Otávio Pinto da Rocha. Uma retificação: Otávio Pinto da Rocha era natural de Camamu-BA. De Vitória de Santo Antão, PE, era a sua primeira esposa, Laurinda.Otávio Pinto da Rocha foi estudar direito em Pernambuco e lá casou com a sra. Laurinda, posteriormente, veio exercer a função de juiz municipal em Morro do Chapéu, depois Wagner e Mucugê, onde se aposentou. Tendo falecido no município de Abaíra (BA.

Utilize o espaço abaixo para contribuir com informações, sugestões, elogios ou críticas ...

Sua mensagem será moderada antes de aparecer para o público.


(Obrigatório)
Este campo é obrigatório.Formato de e-mail inválido.

Desenvolvido por Éder Lima